[FP] NARWEENKY, J. Avery

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[FP] NARWEENKY, J. Avery

Mensagem por Avery J. Narweenky em Seg Abr 28, 2014 7:43 pm



História
Era tudo muito mórbido. Ela sempre gostou da morbidez, mas era estranho ver a vila daquela forma. Definitivamente. Um vento bateu lhe trazendo o cheiro de fumaça e algumas cinzas e ela se restringiu a seguir essa trilha deixada pelo aroma. Não se apressava e seu ritmo era calmo demais para alguém que via todas aquelas atrocidades em silêncio.
"Inconfiável. Fria. Macabra. Má. Falsa." Reconhecia aqueles adjetivos e eles se lançaram sobre ela como uma flecha lhe acertando tão fortemente que ela se manteve paralisada, olhando para o céu cinzento daquela estranha manhã. O ar estava pesado e possuía um cheiro de podridão. Não, aquele não podia ser seu interior. Ela é fria e não costuma confiar nas pessoas, além de se esconder atrás de algo encantado. Mas ela não era podre daquela forma. Era a visão dos outros sobre ela? Não, era seu sonho. Nada além de um sonho, não se deixe abater, era o que ela dizia para si mesma.
Mas ela reconhecia sim aqueles adjetivos. Eram os direcionados para si quando mais nova.Talvez ela mesma tivesse esquecido que havia sofrido. Ou talvez tivesse apenas escolhido esquecer ou substituir toda aquela dor por algo mais feliz. Era isso que fazia todos os dias, não? Ser forte. Viu com uma vagarosidade torturante um passado distante voltar à sua mente, quando ainda era uma menina de 13 anos,com seus colegas a olhando de forma estranha enquanto se via, tão pequena e frágil em um canto com suas roupas escuras. Não que ela colaborasse para ser querida já que nesta época sempre optou por se isolar o máximo possível de tudo e todos. Ela queria que alguém tentasse a aproximação, tentasse o primeiro passo. Alguém que talvez gostasse dela, quem sabe. O simples fato de ser diferente, de não ser vista com desejo que fizeram com que ela fosse denominada de coisas que ela não é e nunca foi e provavelmente nunca será, como inconfiável.

Diziam-lhe que ela fora a culpada por causar sofrimento e a morte dos pais, em seu primeiro contato com seus poderes que outrora estavam escondidos. Após a garota deixar que seu mimetismo demoníaco florescesse inconscientemente, aquele gesto causara um incêndio na casa onde ela morava. Para espanto dos médicos, a ruiva não sofrera nenhuma queimadura enquanto estava na casa. Temendo pelos seus poderes, ela fugiu do hospital no dia seguinte e partiu para Nova York. Lá, passou a descolorir os cabelos e fazer alguns tatuagens, como forma de se livrar de seus fantasmas. Tornou mercenária, para conseguir sobreviver na nova vida a qual estava fadada.

Avery

Jean

Narweenky



nome completo: Avery Jean Narweenky.

idade: 18 anos.

photoplayer: Luanna Perez.

grupo: Mercenários.

personalidade: Cuidado, porque essa garota é fria se você pisar no pé dela. A ruiva não consegue esconder quando está magoada ou irritada. Quando irritada, parece possuída pelos poderes do diabo e seres obscuros. E, nestes momentos pode se esperar tudo dela, desde um ataque de raiva com direito a destruir a casa até uma capacidade para reclamar durante a vida toda. Mesmo sendo rabugenta com quem quer, a ruiva é muito doce com quem quer também. Se ela quase quebrou sua cabeça quando perguntou sobre seu dia, ou deu uma de suas respostas grosseiras sem nenhum motivo aparente, provavelmente deve estar em um daqueles dias amargos que faz com que odeie o mundo. Se está ferida em seus sentimentos, ela pode se fechar em seu mundo, ficar melancólica e atacar qualquer um ferozmente.

Avery possui uma certa dificuldade em confiar nas pessoas, entretanto, quando essa barreira criada por ela é vencida, pode-se considerá-la uma amiga para toda a vida. É ignorante, não gosta que ensinem o que fazer, é debochada e abusada, fria e absoluta, manipula qualquer um quando quer e se for possível, sempre manipula. Contudo, não se engane pelo jeito exótico e olhar doce. Ela quer se dar bem. E por mais que tenha uma aparência séria ou simpática e seja boazinha, ali no fundo em segredo guarda uma cobra muito venenosa. Mas saiba lidar com ela, você vai ver que amor de pessoa que ela demonstra só para os mais íntimos.

A garota tem distúrbios sadomasoquistas e certo grau de depressão e ninfomania,assim como problemas com drogas e bebidas. Por isso precisa sempre de reafirmação. Gosta de viver no seu canto e não quer aproximação de gente, procurando não se importar com os sentimentos dos outros.

físico: Aqueles mesmos olhos negros que mais parecem reluzir, transbordando sutilmente a malevolência que reside na americana. Os cabelos ruivos,com mechas colorida, e sedosas que, quando descabelados, caem à margem de suas pálpebras. A pele pálida e cheirosa, macia. O corpo invejável e de curvas sinuosas.
Mas as roupas de grife que escondem suas cicatrizes não conseguem sequer apagá-las. São marcas profundas, que significam algo além da compreensão de qualquer outro. Pedacinhos de ninguém, duma época que não merece recordações. Tratam de assombrá-la, lembrando-a do quanto teve de sacrificar para chegar onde chegou.

poderes: Mimetismo Demoníaco, Regeneração.





©

_________________
THE AVERY
I WANT THE WORLD TO GO AWAY I WANT BLOOD.. FOR THE TITLE INSTEAD OF FEELING SUPER..SUPER SUICIDAL
avatar
Avery J. Narweenky
Mercenary

 Mercenary

Mensagens : 6
Data de inscrição : 28/04/2014

Ficha Avenger
Nível: Delta - 1

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum